Pular para o conteúdo

Zanatta Desenvolvimento

Zanatta
Início » Saúde » Goma de mascar faz mal a saúde bucal? 

Goma de mascar faz mal a saúde bucal? 

chiclete-gomas de mascar

A goma de mascar que possui açúcar em sua composição pode contribuir para a formação de cáries. 

Já a sem açúcar pode ser uma aliada no controle da cárie, pois à medida que a salivação aumenta durante a mastigação, o pH bucal cresce. 

Entretanto, não basta confiar nessa função apenas para a goma de mascar sem açúcar, pois o consumo de água correto por dia ainda é o maior aliado para a produção de saliva, e é muito mais saudável que qualquer bala.

Além disso, a goma é derivada do petróleo, e quando contém açúcar em sua composição, pode ajudar a “estragar os dentes”. Outro fator relevante é que se engolir ela, é possível “trancar” por dentro.

Por isso, se você costuma consumir gomas de mascar com açúcar com frequência, o ideal é procurar por uma clínica dentária para que um dentista possa avaliar como anda a sua saúde bucal e como ela pode estar interferindo no seu sorriso.

Para saber sobre a relação da goma de mascar com a saúde dos nossos dentes, e quais são os benefícios e malefícios que esse doce pode provocar na sua boca, confira os tópicos que listamos a seguir.

Afinal, a goma de mascar pode prejudicar os dentes?

Quando falamos sobre goma de mascar, é normal considerar a iguaria uma vilã da saúde bucal. 

Do mesmo jeito que a maioria dos doces, ela pode aumentar os riscos do surgimento de cáries e outras doenças bucais, podendo ser necessário o tratamento com um dentista que faz tratamento de canal.

Entre outros problemas que podem ser causados pela goma de mascar, podemos destacar:

  • Dor na mandíbula;
  • Problemas gástricos;
  • Desgastes nos dentes;
  • Problemas nas articulações temporomandibular.

Por isso, todo cuidado é pouco quando se trata do hábito de mascar gomas, pois embora sua versão sem açúcar possa ser uma ajuda extra na higiene bucal, ela não é capaz de remover a placa bacteriana dos dentes, o que pode resultar em doenças bucais.

Também é preciso estar atento aos danos que podem ser causados à articulação temporomandibular por conta dos movimentos repetitivos causados pela mastigação, podendo ser necessário procurar por um dentista especialista em canal no futuro.  

A goma de mascar pode ajudar na limpeza dos dentes?

Os benefícios de mascar goma podem variar de acordo com o tipo consumido, isso porque o ideal é consumir sem açúcar, já que os tipos açucarados podem prejudicar a sua saúde bucal e o seu organismo como um todo.

Dessa forma, podemos concluir que as gomas de mascar sem açúcar podem até ajudar a melhorar o hálito e a limpeza por conta da abrasão e fricção que causam nos dentes durante a mastigação.

Entre outras vantagens da goma de mascar para a saúde bucal, estão:

  • Purificação do hálito;
  • Controle do bruxismo;
  • Aumento na produção de saliva;
  • Redução na formação de cáries;
  • Redução na formação de manchas brancas.

Porém, a goma de mascar não substitui os tratamentos dentários oferecidos em uma clínica dentária especialista em prótese ou dos problemas listados acima. As consultas periódicas ao dentista é a melhor forma de prevenção das complicações bucais.

Mascar gomas não substitui o processo de higiene bucal

É importante ressaltar que mascar gomas não irá substituir a realização da higiene bucal. Isso porque ela pode até melhorar o hálito e fazer uma higienização superficial dos dentes, mas não substitui a escovação. 

A escovação dental faz uma abrasão mecânica nos dentes, o que remove a placa bacteriana. Diante disso, é importante manter a higiene bucal utilizando todos os itens necessários, como a escova, pasta de dente, fio dental e enxaguante bucal.

Por fim, outro cuidado fundamental é visitar um dentista para canal no dente regularmente, pois somente um profissional é capaz de identificar e diagnosticar precocemente as doenças bucais, como a cárie, a gengivite e a periodontite, por exemplo.

Desse modo, caso sinta que está produzindo pouca saliva ou que possui um mau hálito constante, não hesite em marcar uma consulta com o seu dentista de confiança. O surgimento desses sintomas podem indicar algo mais grave e que precisa ser investigado.

De modo geral, é fundamental sempre consultar com o dentista para avaliar se você pode ou não consumir qualquer alimento, seja ele considerado benéfico ou não.

Conteúdo originalmente desenvolvido pela equipe do blog Qualivida Online, site no qual é possível encontrar diversas informações e conteúdos sobre os cuidados com a saúde física e mental.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *